Português desossado

 

O Acordo Ortográfico de 1990 é óptimo. Acreditem, é mesmo. É das coisas mais excitantes que aconteceram à Língua Portuguesa, não tenho a menor dúvida. É óptimo, de tão flagrante ser a sua inconsistência. É a semente chocha de vigorosos revoltados: no mesmo país onde nunca nascerão durões como Hemmingway ou Hunter S. Thompson, vão envelhecer milhares de escritores de genuína rebeldia, gente desacordada com este acordo e que fará de cada ação uma acção de protesto. | Continuar a ler…

Anúncios